Elevadores_escadas_01-900x600

Porquê abusar dos elevadores?

Há dias, falei-vos de coisas que me irritam. Lembram-se. Certo? Pois bem, hoje vou continuar…

Desde que tenho filhos e quando estou com eles uso, às vezes e por necessidade, os elevadores nos centros comerciais.

Por necessidade, mesmo já não usando muito o carrinho de bebé, mas porque o meu mais novo ainda não domina a técnica das escadas rolantes.

Porém, muitas vezes, para não dizer todas, acontece ter de esperar tempos infinitos pela nossa vez de entrar no elevador, porque, pasme-se, estão à nossa frente grupos de jovens –aparentemente – saudáveis, mas – aparentemente – preguiçosos de mais para irem pelas escadas (a maioria das vezes rolantes, daquelas que cansam muito!)

Como são tantos a fazê-lo, estes jovens também têm de esperar uma eternidade pelo elevador, mas, preferem esperar do que porem-se a caminho e ir pelas escadas. E, como se não bastasse, ainda temos que os ouvir a lamentarem-se porque “o elevador nunca mais vem, man”. Ou porque “já cheio. Já não podemos ir neste. Que cena, meu. Tou-me a passar

Certo dia, só me apetecia dizer: (Porquê abusar dos elevadores?) Vão mas é procurar as escadas mais distantes, para ver se, até lá, queimam as calorias do hamburger ou da pizza do almoço. “Mas, pronto”. Não disse. Que sou muito atinadinha e também tinha comido hamburger!

E, sim, caros leitores – é verdade que todos os elevadores têm as placas informativas de que as grávidas, crianças e seus acompanhantes, idosos, pessoas com mobilidade condicionada têm prioridade. Mas, nem toda a gente as respeita.

E quando digo jovens, refiro-me a jovens de “todas as idades”. Até se vêem pais, que não se enquadram no rol dos prioritários, com filhos adolescentes ou mais velhos, a usarem os elevadores. São os pais, no seu melhor, a dar bons exemplos aos filhos. Mas, não se pode dizer nada. Pode um deles estar com alguma congestão. E depois? Ficamos mal. Não é?

O melhor é esperar pela minha vez, que é para ter fundamento para depois vir para aqui falar sobre o assunto e queixar-me aos meus leitores.

Até à próxima. Até lá: um conselho de amiga:

Mesmo fora dos centros comerciais, se puder, use as escadas. O seu corpo agradece. E o ambiente também! (foi bonito, não foi?)

Classificar

Etiquetas:



'Porquê abusar dos elevadores?' tem 2 comentários

  1. 14 Julho, 2015 @ 9:35 Margarida Sousa

    Bom dia Cristina.
    Efectivamente o que expõe são comportamentos regulares que observamos nos dias de hoje. Alguns jovens têm uma educação limitada. Muitos deles até são bons alunos, aplicados nas aulas, mas no comportamento social têm atitudes reprováveis. Aqui os pais têm um papel fundamental. No entanto quando um jovem chega a esta idade e tem estes comportamentos é porque a educação dada anteriormente não foi a mais correcta e torna-se difícil corrigir estes comportamentos a partir dos 15 16 anos. Também verificamos que não é por acaso que os jovem estão cada vez com mais peso. A obesidade é um problema comum e não é apenas do tipo de alimentação. É também porque os jovens não fazem ginastica, não se esforçam, não querem andar mais um pouco. Isto tudo, mais do que irritar, é socialmente um problema no qual todos devemos pensar. Obrigada pelo seu post.

    Responder


Quer deixar o seu comentário?

O seu email não será publicado.


Para mais informação contacte para o email cristina@vaidadesempreconceito.com